quarta-feira, 7 de março de 2012

Exercícios de Magia

 Exercícios

Exercício 1 - Sente-se ou deite-se confortavelmente de olhos fechados. Relaxe seu corpo, respire fundo e acalme sua mente. Figuras continuarão a surgir em sua mente, escolha uma delas e mantenha-a. Não permita que surjam outras imagens senão aquela que você escolheu. Mantenha todos os pensamentos ao redor dessa imagem, mantenha-a o mais que puder, deixando-a em seguida sumir e finalizando assim nosso exercício. Quando puder reter uma imagem por mais de alguns minutos, passe ao próximo exercício.
Exercício 2 - Escolha uma imagem e retenha-a em sua mente. Você pode optar por tê-la fisicamente presente e estudá-la antes, analisando cada detalhe - o modo como as sombras se formam - suas texturas - suas cores e até mesmo um odor. Pode escolher uma pequena forma tridimensional, como uma Pirâmide, ou ainda algo mais complexo como uma imagem de Afrodite surgindo dos mares ou uma maçã madura.
Após estudá-la atenciosamente, feche seus olhos e veja o objeto diante deles, como se estivessem abertos. Não olhe para o objeto novamente com seus olhos físicos, mas sim com sua imaginação mágica, com seus poderes de visualização.
Quando puder manter essa imagem por mais de cinco minutos, prossiga.
Exercício 3 - Este é mais difícil e de natureza realmente mágica. Visualize algo, qualquer coisa, mas de preferência algo que você nunca tenha visto. Por exemplo: um legume de Júpiter. É roxo, quadrado, com um pé de largura, coberto de pêlos verdes, com cerca de um cm., e com pintinhas amarelas com cerca de dois cm. Ok?
Este é, obviamente um exemplo.
Agora feche seus olhos e veja - realmente este legume em sua mente. Ele nunca existiu, você o está criando por meio de visualização, com sua imaginação mágica. Torne esse legume real. Vire-o em sua mente para que possa vê-lo de diversos ângulos, a seguir deixe que ele desapareça.
Quando puder sustentar qualquer imagem criada por cerca de cinco minutos, avance para o próximo exercício.
Exercício 4 - Este é o mais difícil. Mantenha uma imagem criada (como por exemplo, o legume de Júpiter) em sua mente, com os olhos abertos. Tente mantê-lo visível, real, palpável. Olhe fixamente para uma parede, olhe para o céu, ou contemple uma rua movimentada, mas veja o legume lá. Torne-o tão real que possa tocá-lo. Experimente-o sobre uma mesa ou sobre a grama debaixo de uma árvore.
Se nos dispusermos a utilizar a visualização para alterar o nosso mundo, e não apenas no nebuloso mundo que existe por detrás de nossas pálpebras, devemos praticar tais técnicas com os olhos abertos. O verdadeiro teste de visualização está em nossa capacidade de tornar o objeto ou estrutura visualizado real e parte de nosso mundo.



Exercícios de Energia
Esses exercícios servem para sensibilizar e mostrar ao praticante o quão sutis e ao mesmo tempo poderosas as energias podem ser.



1- Bola de Energia
a)As mãos devem estar quinze centímentros separadas uma da outra.Imagine uqe você está aprisionando energia numa esfera.Inicie-a como uma bacia e você a preenche com a energia das mãos.
b)Quando você expira,imagine a expiração preenchendo essa bacia,assim como a energia das mãos.Jogue essa bacia de um lado para o outro,mas deixe que ela entre em suas mãos.
c)Reduza o tamanho dela,aumente sua densidade e deixe-a flutuando entre suas palmas.Descubra o quão mutável a energia pode ser.
d)Quando feito,traga essa energia para as suas mãos e imagine-as absorvendo-a.Limpe as mãos e remova todo o excesso.

 2- Bola de Energia Bruta
a)Esfregue as duas mãos por vinte segundos,aumentando a velocidade gradativamente;
b)Coloque as mãos em concha e aproxime-as lentamente.Sinta a energia em forma de esfera (OBS.:Agora você pode sentir como uma corrente energética formigante que passa de uma mão para a outra em forma de espiral);



3- Transformação de Energia
a)Sente-se em grupo de no mínimo duas pessoas,relaxe e respire profundamente,sentindo a energia do grupo.Agora imaginem que as energias ruins estão saindo em forma de uma nuvem negra e viscosa;
b)Imagine as energia ruins se tornando boas (Você pode imaginar a nuvem negra se tornando uma chuva de esferas brancas etéreas;
c)Agora sugue essas energias boas através de seu nariz,suas mãos e os poros da pele;
d)Agora sinta novamente a energia ambiente e perceba como ela mudou.





Exercício de Levitação


Primeiro todos os membros do Coven se reúnem e fazem um exercício de relaxamento. Quando todos estiverem bem relaxados, escolha uma pessoa do coven para levitar. Essa pessoa deve estar totalmente concentrada, com pensamentos leves. Ela senta como um índio e todos ficam em sua volta. Ela deixa o corpo e a alma leves como uma pena, e seu corpo deve permanecer duro como uma tábua. O Coven pode perceber que já está na hora certa de fazer a levitação quando suas mãos e seus braços começarem a ficar tão leves a ponto de flutuarem no ar. Dessa forma, quatro pessoas vão levitar essa uma. Suas mãos devem estar num formato de arma (pense em você atirando com uma arma, que seria sua mão: junte as duas mãos, e deixe apenas o polegar e o dedo indicador sem dobrar. Os outros dedos devem se enganchar). Cada uma dessas quatro pessoas deve pôr seu dedo em forma de arma em um determinado lugar. Duas vão segurar embaixo das axilas e as outras duas embaixo do joelho. Todos devem ter em mente que a pessoa que será levitada está muito, muito leve. Assim, todos levitam a pessoa na mesma hora.
No começo, pode não dar certo porque todas as pessoas do Coven devem estar preparadas para a levitação. Se uma pessoa não acreditar, a levitação não acontece.
Treine bastante. Não é um exercício difícil, embora muitas pessoas não consigam acreditar que dá certo.

Exercício de Levitação(2)


Esse é um exercício muito simples que pode ser feito a qualquer hora.
Não conte aos membros do Coven que você estará fazendo esse tipo de exercício. Simplesmente diga que irão fazer um exercício e que você irá conduzi-los.
Não é necessário que se abra um círculo. As pessoas podem ficar sentadas no chão como índios, ou então podem sentar-se à mesa. As mãos devem estar ou sob a mesa ou então sob as pernas, no caso das pessoas estarem sentadas no chão.
Diga para que todos relaxem. Após alguns minutos de meditação, diga para todos sentirem-se leves, como se estivessem voando. Se as pessoas realmente estiverem leves, você perceberá que seus braços começarão a levantar, sem que eles percebam o que está acontecendo. O corpo estará em total equilíbrio com a mente.

0 comentários:

Postar um comentário